Depoimento da Ana Flávia: “Mais fortes que os laços de sangue são os laços do coração”

Lindo depoimento da Ana Flávia 🙂 É muito especial quando pessoas que foram adotadas contam o seu depoimento pois encorajam as famílias que estão esperando pelos seus filhos através da adoção. Obrigada Ana Flávia pela sua generosidade. Beijos Lu 🙂


Para mim a minha história começa com a do meu pai e da minha mãe…

Aniversário de 1 aninho da Ana Flávia com os pais

Aniversário de 1 aninho da Ana Flávia com os pais

Eles casaram e minha mãe não podia engravidar. Tentaram a adoção duas vezes; na primeira vez a criança que viria para ela adoeceu e chegou a falecer, na outra, a mãe da criança voltou atras, então minha mãe havia desistido de ter um fillho…

A minha madrinha (vizinha) comentou com a minha mãe que uma senhora estaria disposta a “dar” a criança, pois havia tido a criança fora do casamento e o marido nao aceitava… pois bem, esta criança era eu… minha mãe aceitou, mesmo não tendo confiança… ela não esperava, já que duas vezes o seu coração de mãe esperou e se decepcionou. Foi então que eu nasci e cheguei para a minha mãe (em 94, a lei não era totalmente rígida na adoção, creio que esses olhos mudaram mais agora, se fosse nos dias de hoje, nao sei se estaria com a minha mãe…) eu cheguei e fui para a casa da minha madrinha, a qual citei antes. Meu pai já tinha desistido de ter um filho, o que fazer?

Foi então que minha madrinha e minha mãe bolaram um plano… logo que anoiteceu minha mãe estava quase dormindo, e ela e meu pai estavam deitados, foi quando ouviram pedras no telhado, logo ao sair de casa se depararam com uma caixa de Nescau tampada com uma manta…. e não sabendo o que era meu pai foi com muita calma, e ao remover o pano me viu, e pegou a caixa com todo o cuidado  e levou pra dentro de casa, foi então que minha mãe perguntou, o que iriam fazer com a criança e então meu pai respondeu: FICAR COM ELA…

Eu cresci como qualquer outra criança, com muito amor, materno, fraterno, de toda a família. Todas as noites antes de dormir a minha mãe me dizia… Vamos rezar para a mamãe, o papai, os priminhos, titios, titias, vovó, vovô, para a outra mamãe…

Até que um dia eu perguntei QUEM ERA A OUTRA MAMÃE? E então com toda a calma e amor do mundo a minha mãe me contou essa mesma história que lhe contei, então eu perguntei a ela: MÃE, EU SOU UMA CRIANÇA ABANDONADA?…. e minha mãe, ainda com todo amor do mundo nos olhos me respondeu que não… me disse que eu não era uma criança abandonada, que eu era uma criança ACOLHIDA!

Nos abraçamos e ali eu chorei, chorei muito e disse odiar minha mãe biológica, minha mãe disse que não, que eu não devia odiar, pois ela havia me dado a vida, e graças a essa vida eu estava ali com ela… mesmo nervosa, eu comecei a entender esse amor, essa divisão de biológico e coração…Cresci com certeza de que eu fui muito desejada e amada na família que pertenço… já chegaram me perguntar se eu era adotada, e eu falo com o maior sorriso do mundo que SOU, que fui adotada sim, e que ganhei novamente a oportunidade de ter uma família que me ama e me quer muito bem…
Ana Flávia e família

Ana Flávia e a mãe

Meus pais se separaram e no outro casamento do meu pai eu ganhei uma irmã… no começo fiquei com MUITO medo, ela tinha algo que eu não tinha, o sangue dele, mas com o passar do tempo e a convivência eu vi, que o mesmo amor de pai que ele tinha por ela.. ele também tinha por mim, que ele me amava como filha, e hoje tenho total certeza de quem são meus pais…. AQUELES QUE ME AMARAM DESDE O PRIMEIRO MOMENTO QUE NOS OLHAMOS, desde o primeiro toque, me ensinaram o certo e o errado, a fazer o bem, a ser justa, e  dar e receber amor…
Tenho total certeza que minha história foi escrita por Deus, e só Ele sabe o que é melhor pra gente, e com certeza essa família que cheguei era o meu melhor destino… eu amo aquela frase “Mais fortes que os laços de sangue, são os laços do coração”, hoje eu digo e afirmo isso, e levo pra vida toda, pois a adoção é um dos mais belos atos de amor que eu conheço, um ato que transforma vidas, mas não só da criança, mas de toda a família! 
Ana Flávia Mchinski Freitas
Ana Flávia e família

Ana Flávia e o pai

Anúncios

9 comentários sobre “Depoimento da Ana Flávia: “Mais fortes que os laços de sangue são os laços do coração”

  1. Isso é AMOR!!
    Linda história… também estou na fila da adoção, aguardando esse momento maravilhoso de ser mãe novamente!
    Estou amando acompanhar as mensagens de Gravidez Invisível!
    Bjs
    Andrea Rocha

  2. Eu ja sabia de tudo isso, Aninha, mas foi lindo ler essa linda história em tuas palavras. Teus pais fizeram um trabalho muito bom rsrs, pois vocé é uma pessoa muito especial. Deus é mesmo surpreendente, nao?… Que Ele os abençoe sempre.

  3. QUE LINDA TUA HISTÓRIA MINHA QUERIDA AMIGA ANA FLÁVIA , MARAVILHOSO VER O VALOR E O AMOR QUE VOCÊ TEM PELOS SEUS PAIS ! …MEU CARINHO , RESPEITO , ADMIRAÇÃO E AMIZADE SEMPRE POR VC ! DEUS ABENÇOE VC E TD TUA FAMÍLIA ! BEIJOS NO TEU CORAÇÃO ! SEJA MUITO FELIZ !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s